24.4 C
Mato Grosso
terça-feira, maio 28, 2024
spot_img
HomePolíciaSuspeito de matar PM morre em confronto com o GOE em MT

Suspeito de matar PM morre em confronto com o GOE em MT

Sargento Djalma fazia caminhada quando foi morto; o crime aconteceu em São José dos Quatro Marcos

Um dos alvos da Operação Black Stone, suspeito de ter executado o policial militar Djalma Aparecido da Silva, de 47 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (25) em confronto com policiais da Gerência de Operações Especiais (GOE) em Cuiabá. 

Segundo a Polícia Civil, o confronto aconteceu na casa de Graciel da Silva Muniz, de 29 anos, em um prédio de quitinetes no bairro Boa Esperança. Ele teria reagido à abordagem policial. 

Os policiais cumpriam 17 mandados de prisão e de busca e apreensão contra os investigados na morte do sargento da PM, assassinado em 22 de janeiro deste ano, na cidade de Pedra Preta. 

O policial fazia uma caminhada em frente ao ginásio poliesportivo da cidade, quando ocupantes de um Renault Sandero prata passaram e atiraram nele.

Uma das hipóteses é que o crime tenha sido a mando de uma facção, pois Djalma participou de um confronto em Alto Garças que resultou na morte de um membro da organização criminosa.

Após atirar várias vezes contra a vítima, os criminosos incendiaram o Renault.

Em 28 de janeiro, a Polícia prendeu o criminoso Paulo Ricardo da Silva Ferreira, um dos autores do assassinato. 

Considerado de alta periculosidade, Paulo Ricardo estava com o mandado de prisão temporária decretado pela Vara Única de Pedra Preta e era procurado pela Polícia Civil e Militar.

Fonte: MidiaNews

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas