13.7 C
Mato Grosso
quarta-feira, maio 29, 2024
spot_img
HomePolíciaEmpresário baleado durante roubo de motosserras está em estado gravíssimo 

Empresário baleado durante roubo de motosserras está em estado gravíssimo 

O empresário Altair Lackman, 48 anos, foi baleado no pescoço, onde perfurou a coluna vertebral e o tórax, após dupla armada invadir loja de assistência técnica “Gaúcha Motosserra”, e roubar cinco motosserras, na manhã desta quarta-feira (21.06), na avenida Ulisses Pompeu de Campos, bairro 23 de Setembro, em Várzea Grande.

Conforme ocorrência, quando os policiais militares chegaram no local, encontraram o proprietário ferido, e acionaram uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que encaminhou a vítima ao Pronto-Socorro do município (PS/VG).

De acordo com fontes, Altair está no centro cirúrgico em estado gravíssimo.

Os militares entrevistaram as testemunhas que estavam no estabelecimento comercial, e elas disseram que dois indivíduos armados entraram no local, roubaram a cinco motosserras (pertencentes ao Corpo de Bombeiros do Estado de Mato Grosso), e efetuaram disparos de arma de fogo contra o proprietário que reagiu ao roubo.

Os bandidos teriam fugido em um veículo Fiat Uno branco. Em diligências, os militares localizaram o automóvel em uma oficina abandonada com as portas abertas e o banco traseiro dobrado. No interior do porta-malas, os policiais encontraram um coldre de couro.

Foi solicitado apoio de outras guarnições para realizar o cerco no perímetro, onde foram feitas varreduras pela região, e próximo da oficina, foram encontradas as cinco motosserras roubadas.

Os policiais retornaram na oficina e em buscas encontraram um revólver calibre 32, que se encaixou no coldre localizado no veículo, além de 10 munições intactas.

Durante diligências no matagal próximo da oficina, os militares encontraram uma mulher – Jayane, que informou que seu esposo – Victor de Arruda Aquino de Moraes, está grilando um terreno ao lado da oficina abandonada e estava utilizando as motosserras para desmatar o local.

Durante revista, um homem se identificou como Odenir Martins, e disse era o proprietário da oficina abandonada. Indagado sobre a arma encontrada no local, ele disse que seria dele e que quem havia deixado o veículo era o marido de Jayane.
Durante checagem, foi constatado que o veículo Fiat Uno era produto de roubo no dia 14 de junho, no bairro Costa Verde.

Diante da situação, Odenir e Jayane foram algemados e conduzidos à delegacia. Odrnir por porte ilegal de arma de fogo e Jayane por receptação e associação criminosa. O suspeito Victor e seu comparsa não foram localizados.

Por Gislaine Morais

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas