27.6 C
Mato Grosso
sábado, abril 20, 2024
spot_img
HomePolíciaPolícia Civil cumpre 35 mandados em operação de combate ao tráfico

Polícia Civil cumpre 35 mandados em operação de combate ao tráfico


A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Araputanga, com o apoio da Delegacia Regional de Cáceres e de outras unidades policiais, deflagrou nesta quinta-feira (18.05), a segunda fase da Operação Hígia Fronteira, para o cumprimento de 35 ordens judiciais, sendo 16 mandados de prisão temporária e 19 de busca e apreensão, contra membros de uma associação criminosa que atua no tráfico de drogas na cidade e região.

A operação emprega 90 policiais civis, 25 viaturas e apoio de uma aeronave do Ciopaer, além de equipes das Diretorias do Interior, Metropolitana e de Atividades Especiais da Polícia Civil. 

A investigação, presidida pelo delegado Fabrício Garcia Henriques, é desdobramento da primeira fase ocorrida no mês de março deste ano, que resultou na prisão de três traficantes e apreensão de farta quantidade de entorpecentes e no fechamento da principal “boca de fumo” da cidade.

“É a maior operação policial contra o tráfico de drogas da história do município e um duro golpe contra este grupo criminoso, decorrente de uma investigação complexa e baseada em provas técnicas, possibilitando não só a prisão, como a futura condenação destes indivíduos”, ressaltou o delegado de Araputanga.

Participam policiais da Delegacia de Araputanga, Delegacia Regional de Cáceres, Delegacia de Mirassol D`Oeste, Delegacia de São José dos Quatro Marcos, Delegacia de Porto Esperidião, Delegacia de Rio Branco, 1ª DP de Cáceres, DEDM de Cáceres, Defron, CanilFron, Delegacia Regional de Pontes e Lacerda, 1ª DP de Pontes e Lacerda, Delegacia de Vila Bela, Delegacia de Comodoro, Delegacia de Campos de Júlio, Delegacia de Jauru, Ciopaer, GOE e Diretoria Metropolitana.

Operação Hígia

O nome Hígia, que batizou as operações, segundo a mitologia grega, era a deusa da preservação da saúde, da limpeza e da sanidade mental. Nesse sentido, objetivou-se uma verdadeira “limpeza” e fechamento dos pontos de vendas de drogas, a prisão dos traficantes, a apreensão de entorpecentes e a interrupção do tráfico, restringindo a oferta a dependentes químicos, de modo a trazer alento às suas famílias e paz à sociedade.

Fonte: Assessoria

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas