21.8 C
Mato Grosso
sábado, abril 13, 2024
spot_img
HomePolíciaOperação Cupiditas cumpre mais cinco mandados contra envolvidos em sequestro de empresário

Operação Cupiditas cumpre mais cinco mandados contra envolvidos em sequestro de empresário

GCCO abriu inquérito para apurar o crime de extorsão mediante sequestro contra um empresário em Várzea Grande

A Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Gerência de Combate ao Organizado (GCCO), cumpriu nesta terça-feira (06.06) mais cinco mandados judiciais na segunda fase da Operacão Cupiditas que investiga os envolvidos no sequestro de um empresário em Várzea Grande.

Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e um de prisão, todos na Capital.

As investigações da GCCO tiveram início na primeira quinzena de maio para apurar o crime de extorsão mediante sequestro de um empresário de 41 anos, ocorrido no dia 07 de maio.

A vítima foi levada de sua residência, junto com a esposa, que depois foi liberada pelos criminosos. O cativeiro onde a vítima foi mantida era uma casa no bairro Novo Mundo, em Várzea Grande. O empresário foi torturada pelos criminosos, que exigiam da família a quantia de 2 milhões de reais como pagamento.




A GCCO fez investigações ininterruptas a fim de preservar a integridade física da vítima, que foi localizada no dia 09 de maio. Um dos suspeitos que foi encontrado no cativeiro, Daniel Vitor Conde da Cruz, de 37 anos, entrou em confronto com policiais militares e foi a óbito no Pronto-Socorro municipal.

O empresário foi encontrada com mãos e pés amarrados, vendado e amordaçado. Nos fundos da casa foi aberta uma cova, onde os criminosos torturavam a vítima dizendo que iam enterrá-la no local.

Primeira fase 

Deflagrada no dia 25 de maio, a primeira fase da Operação Cupiditas cumpriu sete mandados, sendo dois de prisão e cinco de busca e apreensão. 

Cupiditas significa ganância ou avareza em latim.

Fonte: Polícia Civil-MT

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas