22.3 C
Mato Grosso
quarta-feira, fevereiro 21, 2024
spot_img
HomeGeralMPF investiga servidor por furto de aeronave da Bolívia apreendida em MT

MPF investiga servidor por furto de aeronave da Bolívia apreendida em MT

Em portaria publicada no Diário do Ministério Público Federal (MPF) desta sexta-feira (16) o procurador da República Raul Batista Leite converteu em inquérito civil um procedimento que apura a subtração de uma aeronave por um servidor do Departamento de Administração Aeroportuária da Prefeitura Municipal de Rondonópolis.  

O MPF afirmou que há indícios de possível conduta ímproba, que causou prejuízo ao erário, por um servidor público que auxiliou na subtração de aeronave apreendida e estava à disposição da Justiça Federal. O inquérito civil fica vinculado à 5ª Câmara de Coordenação e Revisão.  

Por considerar a necessidade de uma investigação mais acurada sobre os fatos o procurador resolveu converter o procedimento preparatório em inquérito civil.  

“Apurar a ocorrência de improbidade administrativa em virtude de subtração de coisa alheia móvel, qual seja a aeronave Cessna P206, Stationair II, sem identificação na fuselagem, com provável prefixo CP 2811 (Bolívia), a qual se encontrava à disposição da Justiça Federal no aeroporto de Rondonópolis, em razão de apreensão realizada nos autos do IPL nº 0091/2014-DPF/ROO/MT”, definiu.  

Determinou ainda que sejam juntados todos os documentos e mídias produzidos após o recebimento da denúncia, inclusive a ata de audiência de instrução e julgamento.

Vinicius Mendes

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas