20.7 C
Mato Grosso
terça-feira, julho 23, 2024
spot_img
HomeMato GrossoJBS constrói maior e mais tecnológico confinamento, ultrapassando 206.000 bovinos

JBS constrói maior e mais tecnológico confinamento, ultrapassando 206.000 bovinos

A JBS é uma gigante da pecuária, além disso, as unidades de confinamento da empresa, totalizam uma capacidade para engorda de mais de 206 mil cabeças de gado. Agora, a JBS constrói maior e mais tecnológico confinamento do Vale do Araguaia. Com mais de 70 anos de história, a JBS S.A. é uma multinacional de origem brasileira, reconhecida como uma das líderes globais da indústria de alimentos.

Com sede na cidade de São Paulo, a Companhia está presente em mais de 20 países. Além de ser uma das maiores produtoras de carne do mundo, a JBS, possui propriedades no Brasil que fazem a produção intensiva na pecuária de corte – confinamento bovino -, se consolidando como uma grande parceira do pecuarista, as suas unidades estão espalhadas nas principais regiões produtoras e funcionam como um Boitel.

Agora, segundo informações recentes, a JBS está construindo o maior e mais tecnológico confinamento do Vale do Araguaia. A JBS, através do seu braço na pecuária, a Friboi, possui mais de dez unidades de confinamento no Brasil, localizadas em regiões estratégicas, elas possuem uma capacidade estática para cerca de 206 mil cabeças de gado, superando mais de 2 milhões de animais confinados, segundo vídeo divulgado na matéria.

O maior e mais tecnológico confinamento do Vale do Araguaia A nova empresa de confinamento de bovinos em construção no distrito de Indianópolis promete mudar o desenvolvimento da região. Desde o início de sua construção, o empreendimento já gerou mais de 80 empregos diretos. As obras do maior e mais tecnológico confinamento de bovinos do Vale do Araguaia iniciaram no final do último ano, e a perspectiva é de gerar muitos benefícios à região com a sua conclusão.

O engenheiro civil da JBS, Afonso Carneiro, destacou que após a conclusão do confinamento, acredita que haverá um aumento de comércios e empreendimentos nos locais, considerando o fluxo maior de pessoas no distrito. Estima-se que haverá mais de 80 empregos diretos e 100 indiretos, o que resultará em um grande desenvolvimento econômico local. 

O boitel de Barra do Garças, está sendo construído e possui uma capacidade de 40 mil cabeças estático. A previsão é de girar 110 mil bovinos no ano. O Boitel foi criado para que os pequenos e médios pecuaristas que não possuem estrutura própria de confinamento tenham opção para terminar seus lotes em cocho, aproveitando os benefícios da engorda intensiva para melhorar os indicadores da fazenda, como taxa de lotação e giro mais veloz do estoque.

O acerto ocorre somente após o abate dos animais, não havendo necessidade de qualquer desembolso anterior a esta etapa por parte do pecuarista. Também é disponibilizado antecipação de recebíveis, antecipação do frete do gado magro, reembolso das mortes no manejo e trava de preços.

Localização e Contato dos Boiteis da JBS Castilho-SP com capacidade estática de 40.000 bovinos – Telefone (18) 99658-1429 Guaiçara-SP com capacidade estática de 13.000 bovinos – Telefone (67) 99241-2446 Lucas do Rio Verde-MT com capacidade estática de 21.000 bovinos – Telefone (65) 99241-9088 Nova Canaã do Norte-MT com capacidade estática de 10.000 bovinos – Telefone (66) 99725-0432 Porto Alegre do Norte-MT com capacidade estática de 12.000 bovinos – Telefone (66) 9668-5592 Terenos – MS com capacidade estática de 10.000 bovinos – Telefone (67) 99660-1370 Rio Brilhante – MS com capacidade estática de 10.000 bovinos -Telefone (18) 99658-1429 Campo Florido – MG com capacidade estática de 10.000 bovinos – Telefone (34) 99818-3173 Uberaba – MG com capacidade estática de 10.000 bovinos – Telefone (34) 99818-6489 Xinguara – PA com capacidade estática de 12.000 bovinos – Telefone (94) 99235-8979 Barra do Garças – MT com capacidade estática de 40.000 bovinos

Mas, afinal de contas, quantas unidades de confinamento a JBS possuí em todo o mundo? Pois bem, de acordo com os dados divulgados pela empresa, ao todo, são cerca de 18 unidades de confinamento, que estão espalhadas pelo Brasil, EUA, Canadá e Austrália, países esses que são considerados os maiores produtores de carne bovina! Procurada pela equipe do Compre Rural, a assessória da JBS não retornou até o fechamento dessa matéria. Entretanto, o espaço continua aberto para posicionamento da empresa em relação ao assunto.

O boitel é uma unidade de confinamento que conta com instalação moderna e funcional de curral, sistema de gestão integrado à produção, equipe composta de veterinários, zootecnistas e nutricionistas que acompanham diariamente a evolução dos animais, além de outros serviços que beneficiam o pecuarista na etapa de engorda do gado, com processos que seguem todos os protocolos globais de bem-estar animal.

A crescente demanda do boi China, por exemplo, serviu para que o produtor investisse mais em confinamento. Hoje, com unidades da JBS, que prestam esse serviço, tem produtor que até vem preferindo engordar com uma terminação terceirizada. Além disso, o pecuarista está cada vez mais apostando no confinamento no País. A estimativa é que o País termine 7 milhões de bovinos neste ano de 2022, segundo dados dos Tour DSM de Confinamento.

O pecuarista paga pelas diárias. Serão observados raça, peso inicial, sexo e condição corporal. (machos fora do padrão, uma faixa acima $) Parceria de engorda Equipe do confinamento faz aparte dos animais. O animal é pesado na entrada; pecuarista receberá 50% de RC (pesagem feita na fazenda) ou 51% de RC (pesagem feita no confinamento). @ Produzida O pecuarista paga pelo total de @ produzidas.

Peso de gancho no frigorífico, menos peso de entrada no confinamento com 50 % de rendimento. Ração por quilo O pecuarista paga os Kg de ração que o animal consome, controlado pelo TGC, mais o custo fixo operacional. Paga algum prêmio (SISBOV/Europa)? Premiações extras (Europa, Hilton, Protocolos de Qualidades, etc.) estão correlacionadas diretamente ao mercado, e serão repassadas ao Parceiro conforme a negociação.

Quais os tipos de animais? Animal padrão nelore/anelorado e cruzamento industrial (machos inteiros, machos castrados e fêmeas). Quais os insumos da dieta? Silagem de Milho, milho, farelo de soja, caroço de algodão, torta de algodão. núcleo mineral e melaço de soja. Dieta alto grão (predominância do concentrado/grão sobre o volumoso). Quantos animais por baia? 100 animais por baia. Quem “paga” pelas mortes ou rejeito de cocho? As mortes são de responsabilidade do Boitel JBS (animais que apresentem boa sanidade e boa condição corporal no desembarque).

O pecuarista recebe o valor da média do lote no peso de entrada com rendimento de 50% no acerto do lote após o abate. Maior e mais tecnológico confinamento Como funciona o frete? O custo do frete é calculado de acordo com a localização entre a planta do Confinamento e a fazenda do produtor, podendo o sistema custear toda ou parte da despesa. E quanto ao manejo sanitário? O Custo do Manejo Sanitário é de responsabilidade do Boitel JBS.

Medicações extras só podem ser feitas com autorização do pecuarista e o valor será descontado na apuração do resultado, após o abate. Qual o prazo de pagamento no frigorífico? A vista 3 dias úteis ou a prazo com 30 dias após a data do abate. Escolha do pecuarista na assinatura do contrato. A vista – Coluna 1 ou a prazo Coluna 4 respectivamente, Praça CEPEA do dia do Embarque.

Sobre a Friboi Com mais de quatro décadas de história, a Friboi – unidade de negócios de carne bovina da JBS – revolucionou o mercado ao descomoditizar a carne bovina brasileira e construir uma marca referência no mercado.  A empresa mantém algumas das marcas de carne bovina mais reconhecidas do Brasil, com um amplo portfólio de produtos, composto pela homônima e líder de mercado Friboi, Maturatta Friboi, Do Chef Friboi, Reserva Friboi, 1953 Friboi e Swift Black, que atendem a diversos públicos.

Com foco na garantia de origem, na qualidade e na segurança do alimento entregue ao consumidor, desde o bem-estar animal até a entrega do produto final, a Companhia adota as melhores práticas de sustentabilidade em toda sua cadeia de valor, e monitora seus fornecedores de gado de forma constante por meio do uso de imagens de satélite, mapas georreferenciados das fazendas e acompanhamento de dados oficiais de órgãos públicos.

A Friboi está presente em mais de 150 países e, atualmente, conta com 35 unidades produtivas em todo o Brasil.

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas