17.6 C
Mato Grosso
domingo, julho 21, 2024
spot_img
HomeNotíciasInfluenciador ganha 1 milhão de seguidores, e Luisa Mell perde 34 mil,...

Influenciador ganha 1 milhão de seguidores, e Luisa Mell perde 34 mil, com polêmica da capivara Filó

O influenciador Agenor Tupinambá ganhou mais de 1,1 milhão de seguidores em apenas três dias com a polêmica da capivara Filó, segundo dados monitorados pela plataforma Social Blade. Enquanto isso, a ativista Luisa Mell, apontada como responsável por ter denunciado o tiktoker ao Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), perdeu cerca de 34 mil fãs no mesmo período. A apresentadora nega as acusações.

A história da capivara começou no dia 19 de abril, quando Tupinambá foi multado pelo Ibama em R$ 17 mil e denunciado por suspeita de abuso, maus-tratos e exploração animal. Além disso, o órgão público determinou que ele entregasse a capivara.

Segundo a plataforma, nesse dia o influenciador tinha 363.293 seguidores. No dia seguinte, ele ganhou 202.122 novos fãs com a repercussão do caso.

O ápice ocorreu entre 29 e 30 de abril, quando houve uma mobilização nas redes sociais, e anônimos, políticos e famosos passaram a pedir que Filó fosse devolvida a Tupinambá. A Justiça então determinou a guarda provisória do bicho ao tiktoker.

Entre sábado e domingo, Agenor Tupinambá conseguiu 308.058 e 738.822 seguidores, respectivamente. Atualmente, o influenciador conta com 2,1 milhões. 

Luisa Mell foi apontada como a vilã

Após a repercussão do caso da capivara Filó, internautas passaram a apontar a ativista como a principal responsável por ter feito a denúncia ao Ibama  — principalmente depois que ela compartilhou a prática do “pega do porco” (considerada tradicional no Norte do país), em que  Tupinambá aparece. Seguidores invadiram o perfil de Luisa com xingamentos. 

Diante da dimensão que o caso tomou, ela então gravou um vídeo, no sábado (29), no qual nega a acusação. Houve uma debandada de seguidores. (Veja os números abaixo)

“Eu vim aqui dizer a verdade, porque estou sendo massacrada por uma coisa que eu não fiz. As coisas não aconteceram dessa maneira. Mas acho que não vai adiantar muito, porque as pessoas já estão querendo me crucificar de qualquer jeito. Há pessoas se aproveitando dessa história para me dar uma facada nas costas”, afirmou ela.

Luisa Mell também se envolveu em outra polêmica: a mudança de nome e de direção do instituto que ela apoiava. O Instituto Luisa Mell agora se chama Instituto Caramelo, uma ONG (organização não governamental) que “atua principalmente no resgate de animais feridos ou em situação de risco”. Ontem, ela rebateu aquilo que chamou de “mentiras” e reafirmou ser a verdadeira fundadora da organização.

Evolução de seguidores de Agenor Tupinambá no Instagram

sexta (28) +126.459
sábado (29) +308.058
domingo (30) +738.822

Evolução de seguidores de Luisa Mell no Instagram

sexta (28) -14.588
sábado (29) -21.829
domingo (30) -13.255

Do R7

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas