24.5 C
Mato Grosso
quarta-feira, abril 24, 2024
spot_img
HomeAgronegócioImpulsionados pelo Agro, três municípios do Chapadão se destacam em crescimento populacional

Impulsionados pelo Agro, três municípios do Chapadão se destacam em crescimento populacional

O Agro é a força motriz da economia brasileira e essa realidade é evidenciada pelo Censo/2022 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os 10 municípios mato-grossenses que mais cresceram em população entre 2010 e 2022 tem como base econômica o agronegócio. Três deles estão localizados no Chapadão dos Parecis: Campos de Júlio, Campo Novo do Parecis e Sapezal.

Os dados preliminares do Censo de 2022, revelados pelo do Observatório do Desenvolvimento Econômico da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) apontam o crescimento de até 60% no número de habitantes.

No topo da lista da está Querência que apresentou 105% de aumento populacional, seguido por Lucas do Rio Verde, com quase 84%, Nova Mutum 75,9%, Sinop com 73%, e Campos de Júlio, com 71%.

Aparecem ainda na lista dos que mais cresceram o município de Campo Novo do Parecis, com mais de 66%, Sorriso, com 66%, Itanhangá, com quase 65%, Primavera do Leste, 63,5%, e Sapezal, com quase 60%.

A menor delas é Itanhangá, que tem 7.539 habitantes, mas em 2010 tinha apenas 5.276. A maior é Sinop, que atualmente tem 196.067 moradores e há 12 anos eram 111.676 habitantes.

Por outro lado, cinco municípios de regiões distintas do Estado apresentaram diminuição populacional.

Novo Santo Antônio perdeu 66,65% dos moradores, seguido por Cotriguaçu com quase 27%, Guiratinga, teve uma redução de 21,32%, Alto Paraguai, 20,44%, e Jauru, que perdeu quase 20% da sua população.

(Redação EB, com Sapicuá RN)

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas