15.1 C
Mato Grosso
quarta-feira, maio 29, 2024
spot_img
HomeNotíciasHomem é esfaqueado em emboscada, pede ajuda em estrada; Mas é ignorado...

Homem é esfaqueado em emboscada, pede ajuda em estrada; Mas é ignorado por motoristas

Vítima desaba enquanto pedia ajuda em estrada – Reprodução/Record TV

Vítima foi socorrida depois de diversos carros passarem pela rodovia na qual ele pedia socorro, em Cotia, na grande SP

Um homem, esfaqueado em uma emboscada, na última sexta-feira (16), foi ignorado por motoristas que passavam por uma estrada em Cotia, na região metropolitana de São Paulo. A vítima ferida tentava pedir ajuda, mas nenhum veículo parou para socorrê-lo.

As imagens das câmeras de segurança mostram o momento em que o motorista de aplicativo Alex Cordeiro dos Santos, de 31 anos, desce um barranco desesperado em direção a uma estrada de mão dupla. Ele tenta parar os veículos nos dois sentidos, mas os carros não ficam para ajudá-lo.

Após mais de uma dezena de carros passarem, um motorista que dirigia pelo local parou para ajudar a vítima. Alex foi socorrido ao Hospital Regional de Cotia, onde está internado em estado grave com ferimentos no abdômen, tórax e pescoço.

Dívida de R$ 18 mil

A Polícia Civil de São Paulo conseguiu prender o mandante e o autor do ataque a Alex. Segundo investigações, a vítima havia emprestado R$ 18 mil a um homem chamado Luciano, que não queria devolver o valor.

Como saída para fugir da dívida, o mandante decidiu contratar um assassino, conhecido como Sorriso, para matar Alex. O valor pago ao autor do ataque seria de R$ 2.000.

Luciano e Sorriso, então, sequestraram o motorista de aplicativo e o levaram para uma área de mata dentro do próprio carro da vítima. Após entrar em luta corporal, o motorista conseguiu fugir e pedir ajuda na estrada.

No sábado (17), investigadores identificaram o carro de Alex circulando pelas cidades de Hortolândia e Monte Mor. Após ação conjunta das polícias Civil e Militar e Guarda Civil, Luciano foi detido.

Já na manhã desta segunda-feira, agentes prenderam Sorriso na região de Pedreira, zona sul de São Paulo.

O caso será investigado pela Polícia Civil de Cotia.

Fonte: R7

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas