29.5 C
Mato Grosso
segunda-feira, abril 22, 2024
spot_img
HomeMato GrossoEmpaer e ABCZ instalam unidades para recuperação de pastagens degradadas em oito...

Empaer e ABCZ instalam unidades para recuperação de pastagens degradadas em oito municípios de MT


A Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), em parceria com a Associação Brasileira de Criadores de Zebu (ABCZ), instalou em Mato Grosso oito Unidade de Referência Tecnológica (URT), com objetivo de recuperar pastagens degradadas, por meio dos Sistema de Integração Lavoura e Pecuária (ILP).

Em uma unidade experimental, a lotação saltou de 3,8 Unidades Animais por hectare (UA/ha) para 8,6 UA/ha, permitindo o aumento da produtividade e garantindo alimentação para o gado no período da estiagem.

O coordenador do Projeto Integra Zebu da Empaer, Eduardo André Ferreira, fala que a parceria começou em 2021, e apresenta algumas vantagens.

Como por exemplo, o aumento do número de animais por hectare,  antecipação do ciclo de reprodução e abate dos animais, melhoria das condições física e química do solo, aumento da rentabilidade da propriedade, melhoria do bem-estar animal, aumento da produtividade e da qualidade da forrageira.

Além de aumentar a disponibilidade do capim no período mais seco do ano.

O custo para implantação do sistema gira em torno de R$ 4 mil por hectare, contando com o custo de operação.

De acordo com Eduardo, a Integração Lavoura Pecuária trata-se de um consórcio entre culturas agrícolas e forrageiras que visa intensificar a produção agropecuária, de forma sustentável, aumentando a quantidade de matéria orgânica do solo e a disponibilidade de forragem para os animais.

“Foi plantado milho e capim de forma paralela na mesma área e no mesmo período. O milho será usado para silagem ou produção de grãos e a pastagem recuperada para o pastejo dos animais”, esclarece.

“O Sistema ILP foi implantado em oito propriedades rurais, numa área de 2,5 hectares. O produtor colhe o milho para silagem e o capim reserva para o pastejo, alimentando os animais para engorda, recria, produção de leite e carne.

As Unidades de Referência Tecnológica foram implantadas nas áreas de agricultores familiares nos municípios de Jaciara, Rondonópolis, Pedra Preta, Guiratinga, Juscimeira, Santo Antônio de Leverger, Poconé e Cuiabá”, enfatiza Ferreira.

Na Fazenda São Bento, localizada no município de Jaciara, na propriedade do agricultor Mauro Fulador, na área experimental, a lotação saltou de 3,8 Unidades Animais por hectare (AU/há) para 8,6 UA/ha.

Eduardo esclarece que um aumento de produtividade animal foi possível por meio da maior disponibilidade de forragem para o gado. Além disso, na próxima estação das águas a pastagem da área, sem necessidade de correção e adubação devido aos ganhos residuais em qualidade do solo trabalhado.

O agricultor familiar José Altino Lima Medeiros, proprietário do Sítio Fartura, no município de Cuiabá, foi selecionado para participar do Projeto Integra Zebu.

Com experiência anterior com a produção de silagem para suplementação do gado no período da seca, plantou milho e para pastagem capim Brachiaria e Mombaça em situação de degradação. A área foi escolhida pelo produtor para recuperação da pastagem.

Segundo José Altino, na primeira unidade que implantou em sua propriedade por conta própria não teve bons resultados com a cultura do milho.

Na implantação da URT com orientação dos extensionistas da Empaer e com todas as técnicas de cultivo apresentou resultados satisfatórios. Com um plantel de 236 animais da raça nelore para corte, o agricultor pretende ampliar a área para 6 hectares, com o Sistema de Integração Lavoura e Pecuária.

A intenção do agricultor é gradear a nova área e realizar a adubação conforme orientações técnicas. Ele pretende plantar mais cedo, no mês de novembro, a cultura do milho e capim numa área de cascalho.

“Na URT a pastagem ficou vigorosa após 90 dias de plantio, estou muito satisfeito com os resultados. Antes da implantação usava a área para pastejo de apenas 15 animais e agora a mesma área abriga 35 unidades.

Estarei renovando as áreas degradadas a cada ano”, enfatiza Medeiros.

Todas as propriedades possuem touros puro de origem (PO), com registro na ABCZ. Na região de Cuiabá, os técnicos da Empaer, Antônio Rômulo Fava e Lucas Freire prestam assistência técnica aos agricultores selecionados pelo projeto Integra Zebu.

Eduardo comenta que estão na segunda etapa do projeto e até o final de dezembro (2023), estará concluído. E esclarece, que mais de 250 agricultores já conheceram o sistema ILP, por meio de Dia de Campo, visitas técnicas e informações.

Fonte: Assessoria

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas