26.2 C
Mato Grosso
terça-feira, maio 28, 2024
spot_img
HomeInternacionalAtaque do Estado Islâmico em Moscou matou mais de 130 pessoas

Ataque do Estado Islâmico em Moscou matou mais de 130 pessoas

Há dezenas de feridos nos hospitais da capital russa e número de mortos ainda pode subir, segundo autoridades governamentais

A contagem de mortos após um ataque a uma casa de shows na periferia de Moscou não para de subir. A Ria Novosti, agência de notícias russa, divulgou na manhã deste sábado (23) que já são 133 pessoas mortas depois do ataque terrorista que aconteceu nesta sexta-feira (22) e que teve autoria assumida pelo Estado Islâmico. Três crianças estão entre os que perderam a vida.

O número de mortos vai aumentando conforme as equipes de resgate retiram os destroços da casa de show. As buscas pelas vítimas continuam.

Um porta-voz do governo russo contou à Ria que o número de mortos ainda pode subir, uma vez que há 145 feridos nos hospitais, vários deles estão em estado grave. Segundo este mesmo representante governamental, a polícia russa começou uma caçada em busca dos terroristas. Até o momento, foram presas onze pessoas.

O ataque aconteceu na Crocus City Hall, onde aconteceria em instantes o show da banda de rock Picnic, bastante famosa na Rússia. Todos os ingressos haviam sido vendidos e esperava-se  uma lotação de pouco mais de 9 mil pessoas. Atiradores invadiram o local e dispararam contra as pessoas, além de detonar explosivos.

Mais tarde, ainda na sexta-feira, o Estado Islâmico reivindicou a responsabilidade do atentado. O grupo terrorista é inimigo da Rússia e do presidente Putin devido ao apoio do país a Bashar al-Assad, presidente da Líbia.

Fonte: R7

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas