30.7 C
Mato Grosso
quinta-feira, maio 30, 2024
spot_img
HomePolícia Polícia Civil prende dois condenados pela Justiça de MT e Goiás por...

 Polícia Civil prende dois condenados pela Justiça de MT e Goiás por estupro de vulnerável

Ambos foram presos em Cuiabá e condenados a 15 anos de reclusão, cada um

A equipe de policiais civis da Gerência Estadual de Polinter e Capturas da Polícia Civil prendeu no fim de semana dois procurados pela Justiça dos estados de Mato Grosso e de Goiás pelo crime de estupro de vulnerável.

Uma prisão ocorreu no domingo (28.05) de um homem de 35 anos procurado pela Justiça goiana. Ele trabalha como motorista e foi detido em sua residência, na Grande Morada da Serra, depois que a equipe do Núcleo de Busca e Capturas da Polinter recebeu solicitação de apoio de policiais civis de Goiânia para a prisão.

O Núcleo de Inteligência da Polinter auxiliou com cruzamento de dados que possibilitaram a localização do foragido.

Condenado a 15 anos e nove meses de prisão, o foragido é natural da cidade de Missão Velha (CE) e teve a prisão definitiva determinada pela Justiça de Goiás após a sentença pelo crime de estupro de vulnerável. A ordem de prisão foi expedida em abril pela 2ª Vara da Comarca de Acreúna.

Depois de formalizado o cumprimento do mandado, ele foi submetido a exame de corpo de delito e conduzido audiência de custódia no Fórum de Comarca de Cuiabá.

Segunda prisão

Na tarde da última sexta-feira (26.5) os investigadores da Polinter prenderam outro procurado por crime sexual. O foragido, de 47 anos, estava com a prisão preventiva decretada pela 14ª Vara Criminal de Cuiabá por decisão condenatória de 15 anos de reclusão por estupro de vulnerável cometido em 2018.

O entregador foi detido pela equipe da Polinter no bairro Santa Isabel, em Cuiabá, em seu local de trabalho. Depois de ser preso, ele foi conduzido à sede da Delegacia de Capturas e na sequência apresentado em audiência de custódia.

Da assessoria-Foto-PJCMT

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas