21.9 C
Mato Grosso
segunda-feira, março 4, 2024
spot_img
HomeNotíciasHomem denuncia a ex e pouco depois é morto pelo irmão dela

Homem denuncia a ex e pouco depois é morto pelo irmão dela

José Neres Alvares foi morto enquanto Polícia ainda registrava primeiro crime que ele sofreu

Viatura da Politec; local do crime e itens encontrados passarão por perícia

Um homem de 43 anos, identificado como José Neres Alvares, foi morto a tiros pelo ex-cunhado na noite de domingo (4) no Município de Nova Ubiratã (a 428 quilômetros de Cuiabá).

O crime aconteceu pouco tempo depois de a ex-mulher de José tê-lo agredido e ido parar na delegacia por isso. Enquanto o boletim de ocorrência era confeccionado, na presença dos policiais a mulher dizia que iria matar a vítima. 

Os policiais ainda atendiam a ocorrência de agressão e ameaça quando receberam denúncia sobre disparos de arma de fogo nas redondezas de uma praça. Um homem em uma Strada branca havia sido morto a tiros. 

A vítima do homicídio era José e as denúncias anônimas davam conta de que o assassino era um dos irmãos da ex dele. O homem de 47 anos teria seguido a vítima em um Fiat Uno prata e realizado os disparos. 

Os militares que atenderam a ocorrência confirmaram pelas câmeras de segurança que o homem apontado como autor do crime esteve na área externa do 2° Pelotão com o veículo. 

O homem estava com os outros irmãos da suspeita detida e, momentos antes do homicídio, é possível ver pelas imagens o suspeito trocar algumas palavras com José e lhe apontar o dedo. Em seguida, o homem entra em seu carro e segue a vítima. 

A Polícia realizou buscas, mas ainda não encontrou o suspeito. O veículo supostamente usado no crime foi encontrado no sítio dele com a chave na ignição e as portas abertas. 

Em um guarda-roupas havia uma baleira contendo 11 munições calibre 20 intactas. 

Agredido pela ex

O primeiro boletim de ocorrência foi registrado por volta das 20h e às 21h20 José já estava morto.

No registro, José disse ter sido agredido fisicamente na sua residência por sua ex-mulher. Ela teria usado um cabo de vassoura, além de tê-lo agredido com tapas e socos. A mulher teria ainda ameaçado a vítima de morte com uma faca. 

Quando os policiais chegaram, José tinha cortes na cabeça, na boca e no nariz.

Fonte: midianews

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas