22.2 C
Mato Grosso
segunda-feira, março 4, 2024
spot_img
HomeNotíciasFuncionário é abandonado dentro de tambor após ser estuprado e torturado por...

Funcionário é abandonado dentro de tambor após ser estuprado e torturado por patrão

Imagem mostra momento em que suspeitos abandonam tambor de metal com vítima dentro — Foto: Reprodução

Homem foi vítima de agressões após furtar objetos de loja em que trabalhava, segundo investigações.

Um funcionário de uma loja de Taguatinga, no Distrito Federal, foi torturado pelo patrão após ter furtado objetos do estabelecimento onde trabalhava. Depois das agressões, o homem foi colocado dentro de um tambor de metal e abandonada em uma via pública 

(veja o vídeo).

Segundo a Polícia Civil, o homem também foi vítima de estupro. Imagens de uma câmera de segurança mostram o momento em que dois homens, um sem camisa e outro de blusa preta, tiraram da carroceria de um carro branco um tambor de metal, onde estava a vítima. Um terceiro cúmplice, de camiseta cinza, também apareceu na cena.

O vídeo mostra ainda que, após os suspeitos deixarem a cena do crime, uma pessoa encontrou o tambor e a vítima. Outras pessoas, aparentemente vizinhos, também ajudaram a retirar o funcionário da loja de dentro do tonel de metal. Em seguida, o homem – que estava sem roupa – saiu.

Os suspeitos das agressões foram presos nesta terça-feira (13). Eles podem responder pelos crimes de roubo, tortura e estupro.

Homem teria roubado uma furadeira

De acordo com a Polícia Civil, o funcionário torturado furtou uma furadeira e uma serra da loja depois que o patrão negou a ele um adiantamento de salário. O estabelecimento fica no Setor Industrial de Taguatinga

“Após o sumiço dos objetos, o proprietário chamou a vítima aos fundos da loja, e juntamente com outros dois indivíduos, causou intenso sofrimento físico e mental, por meio de agressões e até com coronhadas de uma arma de fogo”, diz a Polícia Civil do DF.

Ainda segundo a polícia, também foi exigido da vítima que desbloqueasse aplicativos bancários de seu celular para consulta de valores.

Fonte: G1 DF

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas