27.6 C
Mato Grosso
sábado, abril 20, 2024
spot_img
HomePolíticaClã Bolsonaro usou e abusou de aviões da FAB; até cachorra voou

Clã Bolsonaro usou e abusou de aviões da FAB; até cachorra voou

Com exclusividade, o portal Metrópoles, do Distrito Federal, revela como a família Bolsonaro e usou e abusou da FAB para cumprir compromissos privados e agendas políticas que nada tinham a ver com o Governo.

O veículo teve acesso a listas de passageiros mantidas sob sigilo e um conjunto de mensagens internas do GSI, que mostram que, durante o Governo Bolsonaro, “a então família presidencial usou aviões da Força Aérea Brasileira para participar de eventos privados, como cultos religiosos, e para transportar amigos, parentes, pastores e até uma cadela de estimação do deputado Eduardo Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro”.

Foram 54 voos da então primeira-dama Michelle Bolsonaro, 10 do vereador Carlos Bolsonaro, o filho 02 do agora ex-presidente, e 7 de Jair Renan Bolsonaro, o 04.

Um exemplo que desafia os limites da legislação — e da falta de zelo com o dinheiro público — está nas viagens feitas por Michelle Bolsonaro para participar de cultos religiosos.

No material, há registro de pelo menos três viagens com esse propósito, sem que houvesse nenhum outro evento oficial com divulgação pública que justificasse o deslocamento da primeira-dama.

Michelle pedia jatinhos da FAB para voar de Brasília para o Rio de Janeiro, onde gostava de frequentar os cultos de uma igreja evangélica na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade.

“E ela não ia sozinha. Normalmente, os aviões oficiais levavam, ainda, vários convidados da primeira-dama”, diz o site.

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas