32.1 C
Mato Grosso
quarta-feira, junho 12, 2024
spot_img
HomeGeralA mágoa do motorista do atropelamento com Kayky Brito

A mágoa do motorista do atropelamento com Kayky Brito

O condutor Diones Coelho da Silva, que atropelou o ator Kayky Brito, expressou seus sentimentos

Diones Coelho e Kayky Brito (Foto: Reprodução)

247 – O condutor Diones Coelho da Silva, que atropelou o ator Kayky Brito, expressou seus sentimentos após perceber que a família do ator estava mantendo uma certa distância desde o incidente. Em uma entrevista concedida ao site iG em 18 de outubro, Coelho compartilhou seus sentimentos sobre a tentativa de se encontrar com Kayky após sua alta médica em 29 de setembro. As informções são do F5.

Ele revelou que tentou entrar em contato com o ator, mas até agora, recebeu respostas indiferentes e silêncio. “Kayky não me respondeu no vídeo. Enviei uma mensagem direta e não obtive resposta. Já fiz várias tentativas de contato, mas não recebi qualquer retorno. Sinto uma atitude muito distante por parte da família em relação a me encontrar. Quero abraçá-lo; é algo que preciso fazer para lidar com o que está dentro de mim”, disse Coelho. “Somente nós dois sabemos o que passamos juntos. O trauma que persiste. Quero muito encontrá-lo, gostaria muito de estar com ele, mas não está em minhas mãos. A decisão está nas mãos deles, e sinto resistência no momento.”

O motorista também mencionou que tentou se comunicar com a irmã de Kayky, Sthefany Brito, mas as respostas dela no WhatsApp foram escassas. Ele também tentou entrar em contato com a assessoria, mas não obteve uma resposta clara. “Recentemente, ela me respondeu dizendo que eu veria Kayky no momento apropriado. Sinto que o contato daquele lado é bastante frio. Kayky nunca respondeu em nenhum momento e nem mencionou meu nome no vídeo que postou. Agradeceu ao motorista, mas o motorista tem nome, Diones Coelho da Silva, é um trabalhador bem-intencionado que apenas deseja encontrá-lo”, enfatizou Coelho.

Noticias Relacionadas
- Advertisment -
Google search engine

Mais lidas